Segurança em discussão
09/02/2015 \\ Gerais \\ comentários: 0

Segurança para a comunidade

Uma comitiva da Câmara Municipal esteve em audiência com o comandante da 3ª Companhia de Polícia Militar, de Atibaia, Capitão Maurício Vieira Moura Gomes, no dia 05 de fevereiro de 2015. A presidente Rosângela de Souza Pavani Escudeiro, e os vereadores Diego Mendes de Souza Carribeiro, Hélio Gonçalves e Raymundo Bueno, relataram os problemas da cidade, ressaltando as cobranças que recaem nos vereadores e agentes políticos, sobre que atitudes estão sendo tomadas para que a situação da segurança melhore, já que ocorrências acontecidas ultimamente vêm preocupando de maneira acentuada a todos, e solicitaram ao comandante, que ele indicasse quais as providências e atitudes que os vereadores poderiam estar tomando para colaborar na solução do problema.

O capitão Moura considerou legítimo e importante o interesse dos vereadores, salientando que com a reunião de esforços os problemas poderão ser solucionados com mais efetividade. O comandante mostrou um relatório que foi encaminhado aos seus superiores, e que está, ainda em trâmite, em que apresenta a situação dos contingentes em todas as cidades abrangidas pela sua Companhia.

Há uma defasagem muito grande entre o efetivo que seria o ideal, legal, do que, está sendo praticado nos municípios, isso por necessidade do Governo, devido ao contingente da Polícia Militar no Estado.

Não é só o município de Bom Jesus dos Perdões que está com o seu efetivo de Polícia Militar defasado, existem outros locais que inclusive com muito mais registros de ocorrências. Apesar das últimas ocorrências marcantes pela violência com que aconteceram, Bom Jesus dos Perdões ainda é uma cidade calma e pacata. Só que isso não é motivo para não considerar importante toda a luta para que o seu contingente seja readequado conforme o seu crescimento populacional.

O comandante também mostrou estatísticas que demonstram que mesmo com contingente abaixo do ideal, a corporação se desdobra para realizar a sua missão, dado ao número de ações bem sucedidas em que os criminosos são detidos.

Outro problema discutido foi sobre a implantação do Copom – Centro de Operações da Polícia Militar, no famoso 190, com a centralização de informações de toda a nossa região em Campinas, o que tem causado reclamações de todos os fazem uso. O capitão comentou que realmente está havendo um problema com a demora na comunicação, de uma ponta a outra, e que ele mesmo estará se reportando ao Copom para procurar melhorar o sistema, devido a uma ocorrência em Atibaia, em que ele mesmo recebeu de um amigo, através do whatsapp, a denúncia de um assalto na Loja Vivo, em que a Polícia chegou antes da comunicação do Copom.

Para que ocorra a sensibilidade do Governo para a questão é importante que os agentes públicos se unam nas reivindicações. Os vereadores de Bom Jesus dos Perdões vão marcar uma visita ao Comando do Policiamento do Interior, em Campinas, como parte das articulações para busca de melhorias.

Camara Municipal
Por:

Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Bom Jesus dos Perdőes.

Deixe o seu comentário