Ex-prefeito de Pracinha é condenado por improbidade
22/10/2014 \\ Gerais \\ comentários: 0

O TJSP confirmou a condenação do ex-prefeito de Pracinha Waldomiro Alves Filho por improbidade administrativa. Por decisão da 8ª Câmara de Direito Público, ele terá os direitos políticos suspensos por três anos, pagará multa equivalente a cinco vezes a remuneração do cargo ocupado e deverá restituir os valores despendidos com peças de uniformes escolares que ostentavam expressão associada à sua gestão.

        Segundo o Ministério Público, foram confeccionados uniformes com a frase “Renovação e Progresso”, que é a denominação da coligação partidária pela qual foi eleito em 2008, ficando, pois, caracterizada propaganda pessoal e de seu partido.

        Para o relator João Carlos Garcia, roupas escolares não podem ser utilizadas para propaganda pessoal. “Se a publicidade de atos governamentais não pode conter palavras ou imagens que vinculem a pessoa da autoridade pública ao ato, programa, obra ou serviço divulgado, muito menos os uniformes escolares, que em nenhuma hipótese devem servir a esse propósito”, anotou em voto.

        Os desembargadores Paulo Dimas de Bellis Mascaretti e José Jarbas de Aguiar Gomes também participaram do julgamento, que teve votação unânime.

 

        Apelação nº 0003795-89.2012.8.26.0326

 

        Comunicação Social TJSP – BN (texto) / AC (foto ilustrativa)
        
imprensatj@tjsp.jus.br

 

Clique na imagem e veja a matéria no site do TJ.

Camara Municipal
Por:

Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Bom Jesus dos Perdőes.

Deixe o seu comentário